Cordel da Preservação nas Bibliotecas da PUC-Rio

blogpreservacao

Os suportes de informação foram evoluindo e se adaptando às mais diversas necessidades informacionais, todavia, no cenário das bibliotecas, comprova-se que o livro continua a ser o ator principal. O Sistema de Bibliotecas da PUC-Rio é composto, no seu acervo físico, de 188.607 títulos de livros e 4.026 títulos de periódicos. Este é um valioso acervo bibliográfico, não é verdade? E, esse acervo possui um uso intenso. Então, não podemos esquecer que a vida útil de um livro diminui naturalmente a cada utilização.

Mas surge a pergunta – “Os livros de uma biblioteca não são adquiridos para serem utilizados?” Sim, é claro! Porém, a forma com que este acervo é manuseado, os cuidados que o usuário deve ter ao usá-lo dentro e fora da biblioteca é o que faz a diferença. Essa dualidade entre o estímulo ao uso e o estado de preservação das coleções, contribui, sobremaneira, para identificar um dos principais motivos pela deterioração dos acervos: a ação do homem.

O usuário, nem sempre por maldade, porém por displicência, não reflete que expor o livro ao calor do sol, aos respingos de chuva, a farelos de alimentos, clips, dobra das folhas etc., causam efeitos danosos ao material. Isso, somado aos famosos riscos e rabiscos, fecham um quadro de agressão e deterioração difícil de resistir!

Nesse sentido, a Campanha de preservação de acervo intitulada “Cordel da Preservação nas Bibliotecas da PUC-Rio” se tornou uma ação continua para sensibilizar os usuários de nossas bibliotecas, com dicas e orientações voltadas à preservação

Cordel da Preservação

Clique aqui e saiba mais sobre a nossa Campanha de Preservação e entre nessa!

Você pode seguir todas as respostas para esta entrada através do feed RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou um trackback do seu próprio site.

Deixe um comentário